Nestlé vai investir 40 milhões de euros nas suas fábricas em Portugal

Fábrica Nestlé em Avanca Portugal

A Nestlé Portugal vai investir cerca de 40 milhões de euros nas suas duas fábricas em Portugal, revelou hoje, Paolo Fagnoni, o novo diretor-geral da multinacional suíça para o mercado nacional, num encontro com jornalistas. O investimento operacional em causa irá ser aplicado ao longo dos próximos 18 a 20 meses, pelo que deverá estar concluído em 2020.

Paolo Fagnoni adiantou que cerca de 70% a 80% desse montante de investimento deverá ser concretizado ainda este ano e explicou que os projetos de investimento nas duas unidades fabris da Nestlé em Portugal serão na ordem dos 30 milhões de euros, sendo o restante aplicados em planos paralelos de manutenção.


“Este investimento é para modernizar as linhas de produção das duas fábricas da Nestlé em Portugal, as de Avanca para os cereais, e a do Porto, para o café. Mas também servirá para reduzir as emissões das duas unidades”, sublinhou Paolo Fagnoni.

Na fábrica de Avanca, o destaque vai para um upgrade na linha de produção de bebidas de cereais e para aumento de capacidade, bem como para apoiar conceitos de inovação em nutrição infantil. Já na fábrica do Porto, a Nestlé está a aumentar a sua capacidade de fabricação, com a produção do café Nescafé Roast & Ground, uma novidade mundial para esta marca de café solúvel tostado.

No comunicado, a Nestlé Portugal assegura que “está a trabalhar para reduzir continuamente os impacto ambientais das suas operações”, acrescentando que nos últimos cinco anos “reduziu a captação de água em 62%, as emissões de CO2 em 7,5% e os resíduos enviados para aterro em 58%, o que correspondeu a 261 toneladas”.

“Em 2018, temos a ambição de melhorar ainda mais todos os indicadores: captação de água (m3/ton) em -2%; energia (GJ/ton) em -1%; emissões de CO2 (Kg/ton) em -1% e zero resíduos enviados para aterro. Neste primeiro trimestre, a Nestlé reduziu em 85,2% os seus resíduos enviados para aterro e também a captação de água (m3/ton) foi reduzida em 5%”, destaca a referida nota.

“É mais que um compromisso, é uma obsessão nossa”, admitiu Paolo Fagnoni, referindo que a empresa iniciou agora um compromisso forte na reciclagem de plásticos e prometendo resultados neste capítulo para o final de 2018.

Além do investimento de cerca de 40 milhões de euros nas duas unidades industriais em Portugal, a Nestlé prevê investir mais de 50 milhões de euros em ‘marketing’, de acordo com estes responsável.

Segundo o comunicado em causa, “a Nestlé investiu mais de 50 milhões de euros em ‘marketing’, o que engloba os nossos investimentos em ‘media’ tradicional, ‘media’ digital e promoções aos consumidor. Em 2018, a Nestlé planeia aumentar o investimento entre 2% e 3%”.

Leia a matéria completa no site do SAPO.PT.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *