Curitiba e Buenos Aires cooperam para melhorarem a gestão de recursos sólidos

Tratamento de resíduos sólidos

Tratamento de resíduos sólidos



Técnicos brasileiros estiveram em Buenos Aires, Argentina, para dar formação sobre “Separação de Resíduos Sólidos Urbanos e Gestão de Resíduos”.


A atividade, realizada no mês de setembro, faz parte de um projeto de cooperação técnica descentralizada entre Brasil e Argentina para a Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos (RSU), apoiado pela Agência Brasileira de Cooperação (ABC) e coordenado pela Prefeitura de Curitiba e prefeituras das cidades argentinas de Buenos Aires, Vicente Lopez e Rafaela.

A iniciativa visa fortalecer as capacidades para a gestão de resíduos sólidos urbanos no Brasil e na Argentina, por meio do compartilhamento de experiências e da capacitação de representantes dos governos locais.

Durante a estadia na capital argentina, os representantes brasileiros tiveram a oportunidade de conhecer a realidade da gestão de resíduos no país e participar de reuniões, visitas técnicas e workshop sobre o tema.

Nos próximos meses, uma delegação argentina visitará Curitiba para capacitar os colaboradores brasileiros e conhecer as práticas de separação e gestão de resíduos sólidos desenvolvidas na capital paranaense.

A cooperação internacional descentralizada é a modalidade que abarca os projetos de cooperação técnica entre cidades e municípios de diferente países. Nos últimos anos, a ABC manteve contato crescente com representantes de governos estaduais e municipais para fornecer orientações e capacitação nos temas de cooperação técnica internacional e relações internacionais.

Leia a matéria completa no site da ABC – Agência Brasileira de Cooperação.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *